Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Entre Amigos: Sacanagem na universidade

Sempre acompanho os contos do Safados.net e resolvi contar algo que me aconteceu no inicio do 2º semestre de 2014 na universidade em que estudo. No primeiro dia de aula eu cheguei na sala e me sentei em uma cadeira que ficava de frente para a porta, como não conhecia ninguém fiquei na minha, quieto até que chega um rapaz todo sorridente, passou por mim e foi no fundo da sala guardar a mochila e voltou até onde eu estava e estendeu a mão para me cumprimentar, confesso que de cara fiquei apaixonado por aquele sorriso.

O tempo foi passando e aos poucos nos tornamos amigos, eu descobri que ele era gay assumido, porém era casado (e ainda é até hoje), foi um balde de água fria pois me tirou todas as esperanças que eu tinha em ter aquele homem pra mim. Ele é muito safado e sempre que brincava comigo deixava no ar um clima de interesse. Um dia ele chegou na sala muito nervoso dizendo que queria conversar comigo a sós, eu aceitei e saimos da sala com os olhares atentos de todos os outros alunos a nos acompanhar até a porta. Fomos para atrás do muro da quadra de educação física, era escuro e não tinha niguém. Chegando lá, ele disse que não estava resistindo e que não sabia se era amor, mas não parava de pensar em mim, eu fui ao céu quando ouvi aquilo e disse que era afim dele desde o primeiro dia em que ele foi falar comigo, ele me puxou e me beijou com muita vontade, sentir aqueles lábios foi a melhor coisa que me aconteceu naquele semestre.

Ele me abraça e me beijava, até ele me perguntou se eu topava fazer uma loucura e abriu o zíper da calça tirando para fora aquele pau maravilhoso, eu não pensei duas vezes e me abaixei engolindo aquele mastro que estava latejando de tão duro, ele dizia que minha boca era quentinha e que ele sonhava toda noite com aquele momento. Eu chupava com tanta vontade que ele gemia de tesão e socava na minha boca até que anunciou que iria gozar, perguntou se podia gozar na minha boca, e geralmente eu diria não pois acho nojento, mas eu queria sentir cada gota daquele homem e ele jorrou todo seu leite na minha boca e eu engoli cada gotinha. Nos recompomos abraçados e nos beijando mais um pouco e depois voltamos para a sala como se nada tivesse acontecido.

Ainda nos encontramos sempre que da certo, mas agora esta meio difícil pois o marido dele anda desconfiado. To contando os dias para ficarmos juntos novamente. Outro dia eu conto como foi nossa primeira noite juntos, só posso dizer que ele é muito gostoso na cama...

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

17/04/2016 15:27:37 - Ótima história, agr to só esperando uma continuação

02/04/2016 16:30:22 - INTERESSANTE

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente