Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Entre Amigos: Não conseguia mais tirar o pau do gordão da boca

Quando estava na oitava serie, eu possuia um enorme fetiche por caras gordos(e ainda possuo)e havia um moleque gordo, estilo funkeiro chamado wellington. Ele era um macho muito excitante, embora não seja tão bonito. Na metade do ano começaram se a espalhar boatos de que ele havia comido um outro amigo gay meu no banheiro da escola a força, e só de pensar nisso, precisava ir pro banheiro me masturbar. Um certo dia a escola sorteou convites para uma palestra em uma faculdade e eu recebi um. Wellington percebeu que eu havia ganhado e pediu pra mim: -Por favor mano, eu faço o que voçe quiser, disse ele quase implorando, derrepente eu me lembro dos boatos e uma ideia vem a mente; -Então deixa eu te ver pelado, tomei coragem e disse. No momemto ele se assustou, mas depois gostou da idéia e começou a aceitar; -Quando der eu mostro, você quer meu pau na sua boca? Ele perguntou pra mim, meu pau já estava duro; -Sim, respondi ainda tremulo. Nós fomos embora pra nossas casas.

Dias passaram, a escola nos levou ao zoológico em um passeio e como não teve ônibus para volta, tive de voltar a pé e no meio do caminho eu encontro o wellington, tomeir coragem e fui falar com ele: -Vamos lá em casa? -Vamos, eu respondi, meu coração estava a mil; -Você vai deixar eu socar no seu cu? -Vou sim.

A gente foi conversando até chegar na casa dele. Assim que eu entrei ele trancou a porta e foi até o banheiro; -Mãe?? Tem alguem ai? Ninguém respondeu, ele saí do banheiro, e ele para e olha fixamente pra minha cara. Logo ele coloca a mão sobre o cinto e começa a tirá-lo, mostrando seu cacete duro debaixo da cueca e depois tira ele.

O pau dele era muito belo, apesar de pequeno e possuir fimose. -Vai mano chupa minha pica. Eu me ajoelhei e começei a chupá-lo, um gosto horrivel veio a minha boca ao primeiro momento, mas depois eu começei a gostar. -Quem manda nessa porra sou eu!!! Disse ele e depois me dando um tapa seguido do outro, me deixando com mais tesão ainda.

Não demorou muito ele gozou, eu bebi tudo e pedi mais, não conseguia mais tirar o pau do gordão da boca porque tava viciado; -Agora vc precisa ir mano. Eu insisti pra chupar mais, mas ele não deixou entao eu fui embora. A partir daí virei sua vadia, fazia tudo o que ele pedia e em troca nós transava-mos.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

26/03/2016 18:09:48 - muito exitante este conto,gostei.

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente