Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Entre Amigos: Porra matinal

Certa vez combinei com um amigo de ele vir aqui em casa me comer antes de eu sair pra trabalhar. Marcamos um horário próximo à minha saída de casa. A ideia era ele me fuder rapidinho, gozar na minha boca e eu ir trabalhar com o cuzinho largo.

Acordei um pouco mais cedo e fui tomar café. Peguei um prato, a caixa de cereal e a do leite. Coloquei tudo na mesa e o interfone de casa tocou. Meu amigo chegou mais cedo do que combinamos! Rs

Ele entrou, veio me beijando na boca, dizendo que não estava aguentando de tesão e queria me comer sem pressa, por isso tinha chegado mais cedo. Continuamos nos agarrando, ele beijando meu pescoço, passamos a mão no meu cuzinho, enquanto eu apalpava aquele pau duro e todo melado de tesão.

Ele me levou até o sofá, me colocou de 4, abaixou minha calcinha e começou a lamber meu cuzinho. Deixou bem molhado pra receber a rola dele sem dó. Ele foi enfiando o pau devagar, senti a cabeça entrar gostoso, o pau preenchendo todo meu cu por dentro, até que senti as bolas batendo na minha bunda. Nesse momento gemi gostoso.

Ele começou a bombar dentro da minha bunda, sem dó, me chamando de puta, dizendo que o meu café da manhã seria a rola e me mandando implorar pra levar mais rola no cu. Eu gemia e pedia mais rola, pedia pra ele meter mais forte, pra deixar meu cu bem arrombado pra que fosse ruim até sentar durante o dia. Ele metia fundo, sentia o saco dele batendo na minha bunda, que delícia de foda. Ele me tratava como a mulher dele, batia na minha cara, na minha bunda, me agarrava pela cintura e metia tão forte que eu perdia o ar.

Fiquei sendo enrabado por bons e deliciosos minutos, até que ele tirou do meu cu e mandou eu chupar. Me ajoelhei e comecei a chupar aquela rola gostosa, ele enfiava fundo na minha garganta, me fazendo engasgar e babar toda a rola dele. Ele estava muito tarado naquela manhã. Fodia minha boca com força, me fazia implorar por mais e implorar pra ter a porra dele. Eu fazia exatamente o que ele me mandava fazer. Ele deixava o pau no fundo da minha boca e me mandava dizer o que eu era pra ele. Eu dizia um abafado e engasgado "sou sua puta" olhando nos olhos dele. Ele delirava de tesão cada vez que me via falando de boca cheia.

Ele me fez mamar por um bom tempo. Não queríamos que aquela chupeta terminasse. Estava maravilhosa. Foi aí que ele, ainda me dando de mamar, pegou o prato, colocou um pouco de cereal, bateu na minha cara e disse que meu cereal ia ter o leite dele naquela manhã.

Isso me deu muito tesão. Eu adoro comidinha com porra. Eu estava chupando a rola dele quando ele colocou o prato embaixo do meu queixo, mandou eu abrir a boca e bateu uma punheta até gozar gostoso. Abri a boca, coloquei a língua pra fora, fechei os olhos e senti muitos jatos de esperma quentinhos na minha língua. Apesar de gostar de engolir, fiz questão de cuspir tudo no prato, em cima do cereal, como ele tinha mandado. Quando ele terminou de gozar, lambi a cabeça do pau dele pra limpá-la e peguei o prato. A gozada tinha sido farta. A quantidade de cereal que ele colocou quase havia sumido embaixo de tanta porra. Ele me mandou sentar na mesa, ele sentou ao meu lado, me deu uma colher e me mandou deixar o prato limpo, sem uma gota de porra. Comecei a dizer que tinha adorado a forma bruta que ele tinha me tratado naquela manhã, enquanto me alimentava do cereal coberto do esperma dele. Comi tudo e ainda lambi o prato, pra ter certeza que não haveria desperdício de porra.

Ele olhou pra mim e disse que eu era uma puta espetacular. Tomamos um banho rápido juntos e fomos trabalhar. Realmente foi difícil sentar naquele dia. rs

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/bipassivobotafogorj



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

19/04/2016 20:47:52 - Adorei este cereal com porra..Maravilhoso..

17/04/2016 02:30:15 - foi uma ótima história,fiquei cheio d tesão e quem dera ei ter um amigo igual esse seu

17/04/2016 02:29:50 - foi uma ótima história,fiquei cheio d tesão e quem dera ei ter um amigo igual esse seu

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente