Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Entre Amigos: Primeira Vez

Isso aconteceu há muitos anos atrás, eu namorava uma garota que morava no meu prédio, já estávamos transando há um ano quando ela precisou viajar com a família, porém, justamente naquela semana, um amigo, ator de teatro, viria para a nossa cidade e iria ficar hospedado no seu apartamento, mesmo sem ninguém da família por lá. Ela me pediu que auxiliasse o tal amigo, lhe apresentasse a cidade etc.

No dia que ele chegou, por volta das 20:00 h, fui até o apartamento de minha namorada e entrei com as minhas chaves, chamei por ele e o ouvi dizer que estava no quarto. Quando cheguei na porta encontrei o Carlos (vamos chamá-lo assim) só de cuecas, deitado de bunda para cima, lendo uma revista. Fiquei impressionado com aquela bunda durinha virada para cima, mas nunca tinha feito sexo com homens antes e meio desconfiado, puxei uma cadeira e me sentei em frente a ele.

Ele também se sentou na cama e conversamos sobre amenidades, logo fomos pegar umas cervejas e o papo foi fluindo, de repente ele colocou a mão na minha perna, meio perto da virilha demais. Fiquei sem graça, me levantei e fui embora, deixando um passeio combinado para o dia seguinte.

Naquela noite, na cama fiquei de pau duro pensando naquela bunda redonda empinada, bati uma punheta pensando nela e gozei muito.

Na manhã seguinte, um dia bonito de sol, resolvi mudar o passeio pela cidade por uma ida a uma praia afastada, peguei o meu carro e lá fomos nós. Quando chegamos, talvez por ser um dia de semana normal, a praia estava totalmente vazia. Esticamos a nossas toalhas e me deitei de barriga para cima de sunga para pegar uma cor. Ele foi tomar um banho de mar e quando voltou sentou ao meu lado e, fingindo que estava de olhos fechados o vi olhando o meu pau que foi aos poucos ficando duro.

-Opa, tem alguém com tesão aí. Ele disse.

- Pois é, é que me lembrei da sua bunda empinada de ontem.

- Você curtiu, foi?

- Bicho, nunca tive experiência com outro homem, mas acho que te comeria na boa, tua bunda é linda e deve ser muito boa de fuder. Me ouvi falando cheio de tesão.

Ele logo passou a mão pela minha rola, que agora estava duraça, com a cabeça saindo por uma das pernas da sunga. Meu pau é bem grosso, reto veiúdo, acho que ele ficou com muita vontade de ser o primeiro putinho a mamar aquela vara e logo caiu de boca.

Vou te dizer uma coisa, ele sim sabia mamar um caralho. Sua boca subia e descia na minha pica, ficava com a cabecinha dentro da boca e fazia umas coisas com a língua e depois me engolia inteiro e tinha ânsias de vomito, depois tirava a minha pica toda babada. Fui ficando maluco e leitei aquela boca, enquanto ele batia uma punheta e gozava também.

Voltamos para o apartamento e lá, ele nem esperou a porta fechar e já ficou de joelhos, tirou a minha pica mole da sunga e enfiou na boca. Quando eu olhei para baixo e o vi me encarando com olhos de safado e minha pica já em tora dentro da boca, fiquei maluco.

-Agora você vai engasgar nesta piroca, falei, metendo o pau lá no fundo da goela da putinha.

Quando tirei o pau, saiu aquela baba que fica em fio entre a boca do cara e a sua glande, saca?

Joguei ele de costas na cama, tirei a sua sunga, dei uma cusparada no seu cu e posicionei a piroca. Ele gemia igual a uma vagabundinha e enterrei a rola até sentir o saco bater na bunda dele. Ele gritou, tentou se esquivar, mas eu o prendi e deixei a piroca toda, alargando aquele rego sem me mexer, quando senti que puto começou a gemer outra vez e começar a rebolar, eu disse:

- Agora você vai ver como um homem fode um viado.

- Eu sou um viadinho mesmo, maltrata o meu rabinho vai.

Comi o cara em diversas posições, e por fim, o pus de frango e meti olhando para a sua cara, que me olhava com olhos agradecidos pela surra de vara que estava levando, gozei lá dentro e só tirei depois que o pau amoleceu.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/centroa3



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

24/11/2016 14:39:58 - Que conto delicioso,espero um dia perder meu cabaco com um cara assim como voce,ou seja com uma piroca grande carinhosa

23/10/2016 16:44:08 - Caralho que tesão... muito muito gosto.. deu até inveja do amigo de sua namorada...

19/10/2016 18:21:08 - Cara que delicia de conto, quero esta rola. abraços,,,

18/10/2016 22:52:18 - Que delícia de conto. Fiquei com inveja do seu amigo. Adoraria estar no lugar dele.

18/10/2016 00:15:02 - gostei muito,fiquei piscando aqui,imaginando no lugar dele,de como vc que preciso,tu deve ser um tesão,abraços

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente