Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Entre Amigos: Desejo Realizado

Depois de alguns anos apenas trabalhando, resolvi que havia chegado a hora de voltar a estudar. Mesmo que já estivesse com idade muito superior à da maioria dos estudantes, encarei o desafio. Já na primeira aula deparei com um colega mais ou menos da mesma idade e logo buscamos uma aproximação pois éramos peixes fora dágua no maio daquela molecada toda. Assim, passamos a fazer trabalhos em conjunto e firmando uma boa amizade. Desde a primeira vez eu senti uma atração bem intensa por ele e ficava imaginando se ele também poderia estar sentindo o mesmo por mim. Não tinha coragem de tomar nenhuma iniciativa pois aparentemente o que existia era apensa isso mesmo, uma amizade.

Tempos depois houve a divulgação de um evento que seria do nosso interesse em uma universidade mais distante. Resolvemos ir e fizemos reserva em hotel para os quatro dias que estaríamos por lá.

No segundo dia fazia um calor enorme naquela cidade. Quando chegamos no final da tarde ao hotel, fui tomar um banho para me refrescar mas já estava a mil de tesão e resolvi fazer umas provocações. Saí do banho pelado e fiquei demorando na procura de uma cueca para vestir. Percebi que meu amigo me olhava de forma insistente, quase não conseguindo disfarçar seu olhar para meu pau que balançava a cada movimento que eu fazia. Acho que ele ficou sem jeito e disse que iria tomar banho.

Dei um tempo e fui dar uma olhada. Abri um pouco e com cuidado a porta do banheiro e eis que lá está ele batendo uma bela punheta. Tão concentrado, não se deu conta logo que eu havia entrado e observava o movimento da sua mão em torno do pau. Ao me ver levou um susto e tentou dizer alguma explicação. Não dei tempo, abri a porta do box e entrei... Estou com muito calor ainda, disse eu. E já conduzi sua mão para minha pica, duríssima a essa altura. Em retribuição, agarrei a dele e ficamos um tempo numa deliciosa mão amiga. Não falamos nada mas cada um parecia adivinhar o que o outro queria.

Dei apenas um puxão no braço para baixo e ele ajoelhou e depois de admirar um pouco meu pau pulsante, colocou-o na boca e me fez um boquete que nunca mais esqueci. Chupava a cabeça, descia a língua pelo corpo do pau, abocanhava as bolas. Chupava alternando movimentos rápidos e outros suaves. Metia a língua no buraquinho do pau e lambia com gosto a babinha que saía dali.

Eu estava louco de tesão e puxei-o para a cama. E enquanto ele voltava com a boca para meu pau, ajeitei e caí de boca naquela bunda linda, beijei, lambi e separando as nádegas, vsilumbrei aquele buraquinho que piscava, rodeado de lindos pelos escuros. Não pensei duas vezes e me afundei... lambia o seu cuzinho, espetava a língua, massageava com os dedos. Eu só ouvia uns gemidos baixos que ele soltava. Quase gozei naquela boca.

Mas eu queria era provar o prazer de ter meu pau metido inteiro naquele cu. Virei-o de bruços e depois de lubrificar bem a camisinha, fui invadindo aquele buraco macio. Era bom demais. Sentia a cabeça do meu pau abrindo caminho e quando os pentelhos roçaram a bunda dele comecei os movimentos cadenciados de tirar e botar. Ele rebolava e isso só me dava mais tesão ainda.

Sentindo que nossos gozos se aproximavam, peguei-o de frango e passei a meter de novo. Queria ver a cara de satisfação dele sentindo meu pau inchar e gozar ao mesmo tempo em que ele largava seu leitinho sobre a barriga. Gozamos intensamente e depois ficamos deitados um sobre o outro por um bom tempo.

De madrugada o desejo de repetir tudo voltou e não deixou a gente dormir. Claro que nos outros dias não voltamos a frequentar o evento e ficamos o tempo todo curtindo no hotel.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente