Já é assinante?
Esqueci a senha

 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Entre Amigos: Com carinho

oi. Sou coroa casado, me chamo Guilherme. Minha história tem duas etapas. A primeira quando com uns vinte anos eu e meu amigo e um vizinho de longa data conversando sobre nossas irmãs gostosas pelas quais nós batíamos várias punhetas, fomos ficando excitados e começamos a nos tocar.

Primeiro uns beijos ai nos peitinhos depois a mão nos cacetes até uma chance de ficarmos sozinhos. Ele foi o primeiro. Fiquei deitado de bruços e começou a passar seu pau na porta do meu cuzinho. Logo colocou a cabeça e foi penetrando bem devagarzinho. Ai começou a bombar e segurando meu cacete beijando minha boca e nuca não resisti. Gozei junto com ele. Foi uma loucura.

Neste dia ficamos por ai, não tínhamos muita oportunidade até que uma noite seus familiares saíram. Ele logo me chamou e começamos um sarro. Quando ele me disse que queria ser uma menina para mim. Ficamos pelados beijamos ele chupou meu cacete e virou sua bundinha para mim.

Seu cuzinho piscava de tesão. Fui passado cuspe e a seguir o penetrei com muito carinho, como ele tinha feito. Enchi seu cu de porra mas ele não gozou. Então depois mamei seu cacete até o gozo. Depois tivemos mais umas duas chances. Ai casamos e paramos, uma pena.

Nunca esqueci e a vontade ficou. Ai comecei a tentar um encontro com garotos de programa mas são super dotados e meu amigo tinha um dote médio e com os anos fiquei virgem de novo. Entrei num site de relacionamento e conheci um rapaz lindo e que queria também ser menino e menina. Trocamos e-mail depois marcamos uma cerveja. Ai não resistimos e fomos para sua casa. Ai começou beijos, chupadas os cacetes duros. Ai percebi que ele tinha uns 18 cm meio grosso mas lindo.

Fiquei receoso mas segui em frente. Quando ele me pediu que o penetrasse. Eue cuzinho lindo como o dono. Coloquei a cabeça no rabinho e fui empurrando. Custou a passar. Muito apertadinho e piscava de tesão. Foi entrando gozei muito. Ai chegou minha hora e abocanhei aquele cacete duro e lindo nos beijamos.

Ele me virou e me colocou de quatro. Ai beijou meu cuzinho que piscava de vontade e de medo. Passou KY e colocou a cabeça na portinha e brincou. Pincelou e começou a empurrar meu cuzinho. Foi cedendo passou a cabeça então beijou minha nuca e começou a penetrar. Que delicia. Foi fundo e gostoso. Ai tirava devagarinho sem tirar a cabeça e punha de novo. Muito gostoso. Sem bombar forte e de novo puxava bem lento e empurrava até que senti aquele jato de porra imundando meu cuzinho.

Muito muito gostoso uma sensação indescritível. Ainda estamos juntos porém com menor frequência pois está namorando e vai casar. Espero que não me deixe.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/faatruder@yahoo.com.br



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente