Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Familia: Dando para o titio

Sempre entro no site e sempre leio contos deliciosos. Por isso resolvi contar o meu. Meu nome é Murilo (nome fictício). Tenho 1,70 de altura, 58kg, olhos verdes, branquinho com uma bunda lisa e um pau de 19cm.

Tudo aconteceu há um ano. Tenho uma tia que é muito doida no bom sentido pois ela sempre viaja e deixa o marido dela em casa. Então em certo dia fui visita-la como de costume. Ela tinha viajado e não falou para ninguém, e por sorte ela deixou meu tio sozinho em casa. Ele é um homem alto. Mais ou menos 1,80 de altura, meio malhado, e com um pau monstro. Deve ter mais ou menos 23cm e é muito grosso. Cheguei lá e chamei ela e nada dela aparecer. Como de costume fui entrando.

Foi quando entrei na casa que estava toda aberta e vi meu tio cochilando no sofá só de cueca box branca. Fiquei meio sem graça ao ver a cena e ao mesmo tempo doido para ver o resto. Foi quando tive que acorda-lo para saber onde estava a minha tia. Para minha felicidade ele disse que ela havia viajado e que só chegaria três dias depois.

Então eu falei que eu ia embora e que voltaria só quando ela voltasse. Foi ai que ele me disse: espera ai vou tomar um banho e saio com você. E eu respondi que tudo bem.

E ele disse que não ia demorar e me chamou para ir conversando com ele durante o banho. Fiquei animado com o convite mas não dei bandeira do que eu estava sentindo. Então ele foi na frente e quando cheguei no quarto vi que ele havia deixado a cueca dele no chão perto da porta do quarto. Como um impulso peguei a cueca e dei uma boa cheirada para sentir aquele cheiro de macho.

De repente ele pediu para eu levar o shampoo para ele que estava em cima da cama. Foi ai que eu fiquei doido quando eu entrei no banheiro e vi aquele homem enorme pelado com o pau mole que mesmo assim devia medir um 18 cm. Fiquei doido com a boca cheia de água, mas me contive entreguei e voltei e sentar na cama. Depois de uns 2 minutos ele veio pelado e eu fiquei sem graça mas ele disse que não devia ficar com vergonha pois ja havia visto ele pelado. Eu disse que tudo bem.

Foi quando ele disse:

- Agora só falta eu ver você pelado.

- Como assim?

- Tira logo essa roupa. Você acha que eu não sei que você adora um pau.

Foi ai que eu notei que o pau dele ja estava duro com pedra.

- O que você quer ver? Perguntei.

- Sua bunda, aliás quero tudo.

Foi ai que eu tirei a minha roupa. Ele se deitou na cama e ja foi logo falando:

- Chupa esse pau

E eu já fui obedecendo. Não cabia tudo na minha boca mas ele foi forçando e segurando minha cabeça contra seu pau. Fiquei doido com isso. Quando menos eu esperava ele me vira de bruço e foi logo dando uma boa linguada na minha bunda. Entre uma linguada e outra ganhava um tapa na minha bunda. Foi quando ele falou que queria meter. Nem deu tempo para falar nada e ele ja foi me segurando e passando seu pau no meu cu. Com tanta vontade que eu nunca havia visto. Foi quando eu falei para ele ir devagar pois seu pau é grande e grosso.

Ele concordou. Foi ai que ele colocou uma camisinha, passou o gel no seu pau e em minha bunda e foi logo falando vai ganhar vara hoje putinha do titio. Ele me colocou de quarto e foi devagar ate a cabeça entrar. Foi quando ele falou em meu ouvido vou te fuder com vontade. Entao em uma só bombada ele colocou tudo de uma vez. Fiquei doido com vontade de sair correndo.

Ele me segurou pela cintura contra o corpo dele e nem deu tempo para se acostumar pois ele me fodia feito um doido, me chamava de puta, cadela e veado. Foi ai que ele falou uma coisa em meu ouvido que eu fui ao delírio e acabei gozando sem colocar a mão. Ele disse: vem aqui veadinho do titio geme na vara do titio. Isso me deixou doido ao ver que eu tinha gozado. Ele tirou o pau da minha bunda e falou agora você vai beber o leite do titio e gozou em minha boca.

Depois disso me vesti e sai dali rapidamente com o cu todo estourado. E depois disso virei o veadinho do titio.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente