Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Fetiche: Consulta médica

Marcou uma consulta com o cardiologista, mesmo sabendo que não precisava. Soube por terceiro que o médico fazia uma analise do paciente profunda. Chegando o dia da consulta se preparou todo antes e foi ao consultório. Ficou na sala de espera ansioso pela sua vez e assim que a porta do consultório abriu o coração disparou.

A assistente o chama e fala que agora é sua vez e que ele poderia entrar. Levantou, entrou no consultório e antes de sentar na cadeira trancou a porta. O cardiologista olhou sua atitude e antes que pudesse falar algo o paciente foi direto, passando lhe a mão no volume da calça. Não deu outra, o médico entendeu o motivo da consulta e foi pegando o paciente empurrando para cima da maca, curvando-lhe a coluna.

Puxou a calça até os pês expondo aquela bunda redonda. Abaixou e com as mãos brancas e quentes separou-lhe as nádegas chupando com vontade e força aquele cu piscante. Com a cabeça na maca gemia ao sentir o doutor enfiar a língua no fundo do seu cu. Ficou de pé e falou: Então você quer consultar né? Abriu o zíper da calça passou um creme nas mãos lubrificando a pica já dura e levando o dedo no cu exposto o lubrificou também.

Aproximou do paciente e lhe enfiou com vontade a rola dentro o fazendo gemer de dor. Tapou com pressa lhe a boca fazendo engolir a dor e o choramingo. Assim que parou de gemer apertou a cabeça na maca e estocou forte e rápido onde foi comendo aquele cu guloso.

As estocadas eram rápidas e frenéticas e ao pé do ouvido se ouvia: Isso veadinho abre bem esse rabo que vou examinar ele profundamente. Entregue ao prazer acabou gozando ali mesmo sem precisar punhetar o próprio pinto. Então o médico lhe disse: Gozou de prazer ne safado. Então estocou mais rápido e num gemido contido explodiu em gozo dentro daquele rabo agora bastante dilacerado.

Se alinharam novamente e o médico prescreveu uma falsa receita em um papel qualquer escrito assim: Tomar no cú pelo menos uma vez por semana, na duvida venha aqui que eu mesmo lhe aplico o remédio.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/Vigianoturno36



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente