Já é assinante?
Esqueci a senha

 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Fetiche: Submisso real

Tenho 47 anos, sou separado de mulher, sou gordinho com barriga e cu arrombadaço e largo.

Mas o que vou contar aconteceu real comigo.

Tudo começou quando criei meu perfil no Disponivel.com - Meu objetivo: Dominadores meterem objetos no meu cu... Os mais grossos e em pouco tempo, estava metendo uma lata de refrigerante numa boa...

Combinei com um cara um encontro comigo... Foi o primeiro encontro que marquei pelo DISPONIVEL estilo sadomasoquismo. Fui até a casa dele e ele me obrigou a fazer uma chupeta. Se não o chupasse ele não me deixaria sair de la. O cara era bem gostoso, tinha um pau legal, então obedeci.

Enquanto eu chupava, não percebi que ele estava tirando fotos. Não demorou muito e ele gozou na minha cara, e foi aí que percebi que estava sendo fotografado.

Ele disse para eu não me preocupar, que as fotos não seriam divulgadas em quando eu fizesse tudo o que ele mandasse.

Ele mandou eu ir para casa, e me preparar para outro encontro com ele, mas nesse encontro ele iria me comer, e meter objetos no meu cu. Tentei argumentar e ele disse que se não fosse obediente, minhas fotos seriam divulgadas. Ele disse que me mandaria um e-mail marcando tudo.

Em 3 dias recebi um e-mail, me dizendo para preparar o rabo que a noite eu seria arrombado por ele, me chamando de putinha, fêmea, arrombada. A partir desse dia, ele começou a me tratar como mulher.

Ele me pegou no lugar marcado, e já estava com algumas roupas preparadas p eu vestir. Tinha uma calcinha cor-de-rosa, e um vestido bem curtinho. Parou numa rua deserta e mandou eu trocar de roupa, depois que me troquei seguiu viagem.

Perguntei para onde ele estava me levando, e ele disse que não era da minha conta. Quando eu ia tentar argumentar, ele perguntou se meu cu tava preparadinho. Eu respondi que sim, então ele me deu um creme e mandou passar, para deixar bem lubrificado para eu não sentir muita dor.

Chegamos em uma casa, e ele buzinou na frente, o portão abriu. Nesse momento fiquei com medo. Ao entrar me deparei com 4 caras, já pelados e de pau duro. E rindo, realmente tirando sarro de mim. Dando parabéns ao cara pela puta que ele tinha arranjado, que iriam detonar meu cu, p ver se eu vidava homem.

O primeiro veio, tirou minha calcinha, e meteu um dedo no meu cu, deu risada novamente, e disse que estava arrombado e lubrificado.

Outro perguntou: é verdade que você consegue meter uma lata no seu cu???

Respondi com um misto de medo e vergonha: Sim... consigo.

Nesse momento vem outro com um monte de objetos para meter no meu cu.

Desde cenoura, pepinos, latas e garrafas long neck. Começaram meter dos mais finos e partiram para os mais grossos, a medida que iam trocando, abriam minha bunda e tiravam sarro do tamanho do meu cu.

-" olha o tamanho do buraco..." rsrsrsrsrs Caramba, acho que nunca mais vai fechar. É maior que muita buceta.

Como ele aguenta.

Resolveram meter os paus. Mas estava tão arrombado, que eles disseram que não estavam sentindo tesão. Eu estava, acho que era para me humilhar ainda mais. Porque realmente entrava e saia fácil, mas dava para sentir...

Ficavam balançando o pau dentro do meu cu, e resolveram fazer DP. Foi uma delícia. Todos eles se revezaram no meu cu... No começo doeu um pouco, mas depois ficou muito bom...

Aí um dos loucos, teve a idéia de meter a mão no meu cu. Lubrificou bem e começou. Logo de cara meteu 3 dedos, 4 ...5 e o punho todo. Quando entrou doeu demais, mas não tinha volta... já que gritei bastante... e eles diziam:

"Agora sim, acho q ele sentiu alguma coisa no cu arrombado..." Depois dessa nunca mais será igual...

O cu do veado já era...

Tira a mão e mostra como ficou o buraco.

Ficou tão largo que entravam 2 dedos sem encostar nas paredes do cu.

E eles ficavam rindo.

Até que um deles disse que não aguentava mais, e queria gozar...

Decidiram me dar um banho de porra...

Nunca tive tanta porra como naquele dia... no rosto, peito cabelo, em tudo...

Deixaram eu me limpar e ir embora...

No dia seguinte, tinha umas 30 fotos, do que fizeram comigo na caixa de e-mail...

Não sou bonito, sou putão, se você tiver fetiche com um submisso, vamos combinar!

Sem enrolação e sim pra real.

Sem muitas perguntas....

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/passivosubmissoreal



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente