Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Outros: Escravo de travesti

Eu estava de férias em Angra, quando uma super gata apareceu na praia, já se passara das 20:00h, quando ela se aproximou e perguntou se eu a deixaria chupar. De imediato disse sim! Ela sorriu, tirou minha bermuda e começou a lamber e abocanhar até sumir na boca dela. Quando ela sentiu que eu ia gozar, ela tirou a boca e me relaxou, não deixando a vara jorrar. Então ela disse: Vamos pra minha casa? Lógico que disse sim!

Ao chegar na casa, havia uma outra gata que estava esperando ela. E fui apresentado. Oi sou Magda e vc gostoso quem é? Eu me chamo Marlon. E assim que disse meu nome a gata que conheci na praia me agarrou por trás e me algemou. Me beijou e disse vc agora é nosso escravo! Me levaram para o quarto e me amarraram com uma corda que se prendia nas argolas que havia no teto.

A Magda era linda, uma morena escultural, seios fartos e um bumbum maravilhoso. Mas quando ela tirou a saia, puxando a calcinha, ao invés de uma buceta maravilhosa, aparece um pau de 21cm, grosso e duro. A gata da praia riu e disse: Ja deu? Assustado disse q não tinha feito esse tipo de coisa. Elas riram e finalmente ela revelou seu nome: Karolaine, que me despiu e começou a me chupar, enquanto a Magda me amordaçava. Magda falou pra Karoline tirar a roupa e ao cair o biquine, se revela uma vara de uns 15cm normal.

Elas fizeram de tudo comigo, me chuparam, me deram beijo grego e por fim me comeram, sem tirar a mordaça. Então quando elas perceberam que eu ja não chorava mais e que tinha me acostumado com os paus, com os brinquedos e vibrador, elas me tiraram a mordaça e perguntaram se eu ja estava gostando. Eu disse que sim e as duas se beijaram, depois me beijaram.

Então a Magda falou: Você vai pra cama, fica d4 enquanto vc chupa a Karolaine eu vou t foder todo seu veado! E obedeci, elas trocava de posições e me fuderam por horas a fio. Estava cansado e elas não paravam. Fiquei com elas 3 dias fazendo de tudo pra elas. As vezes amarrado e as vezes so amordaçado, mas sempre nu. Depois me colocaram roupas femininas e uma peruca, me travestiram e me fizeram sair com elas.

E foi assim que me transformei!

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/Não



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente