Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Outros: Dei pro PM pauzudo

Voltava de uma caminhada na praça próxima de casa, tropecei e cai no chão, por sorte não me machuquei, mas para minha surpresa veio em minha direção um policial e me perguntou se eu me machuquei, disse que tava tudo bem.

Conversamos por um rápido período e não pude deixar de notar o volume da sua calça apertada, e de vez em quando ele passava a mão sobre o volume. Acabei que passei meu número de telefone para o PM. Depois de uns dias meu telefone tocou e ele se identificou como PM e me disse que não me viu mais passar na praça para caminhar.

Disse que estava sentindo dores no joelho devido ao tombo, ele ficou preocupado e quis me ver, marcamos no outro dia, e no horário combinado estava eu lá de bermuda e camiseta, depois de um tempinho ele chegou e saímos rápido do local.

Conversamos um pouco no carro e ele pediu para irmos a um lugar mais reservado, fomos a um motel. Que maravilha, era o que eu precisava. logo que entramos ele já foi me beijando e me acariciando, tiramos as roupas e ele me mamou, depois foi minha vez de retribuir a mamada.

Bela pica de 22 cm, depois ele me deitou na cama com muito carinho e me penetrou de uma forma que nenhum outro homem fez. Gozamos duas vezes cada um.

Ficamos umas quatro horas no motel. E depois houve outras vezes. Ficamos juntos por 04 anos. Hoje moro em outra cidade e me lembro com saudades do PM Negão que me fez sentir prazer inúmeras vezes.

Até breve com outros contos.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/Dom13



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente