Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Outros: O dia em que o ortopedista me chupou

Aos 30 anos fazia academia intensivamente. Foi ai que comecei a sentir fortes dores que vinham do quadril direito até a coxa. Sem saber o que fazer, procurei um ortopedista, o qual me solicitou uma radiografia do femur, que não deu nada. Indicou uma medicação e sessões de fisioterapia. Na resolvia o problema. As dores eram constantes e só diminuíam quando tomava a medicação. Passado o efeito, as dores voltavam.

Terminadas as sessões de fisioterapia e sem êxito, voltei a uma consulta para orientações do que fazer para me livrar daquelas dores.

Ao entrar no consultório curvado, ele pediu que ficasse com a coluna ereta e eu não conseguia.

Mandou que eu deitasse na maca e veio fazer uns testes pegou a perna do problema e começou a levantar. Só que com uma mão ele levantava minha perna e a outra repousou sobre meu pau. Olhava para mim fixamente nos olhos. Era um moreno de aproximadamente 35 anos, corpo atlético, casado (usava aliança na mão esquerda), cabelos pretos, bigode farto preto, olhos negros e penetrantes.

Levantava minha perna e perguntava se estava doendo. Respondia que sim. Mais uma vez levantava, fazia pressão no meu pau com a outra mão e perguntava com a voz cheia de tesão se estava doendo. Isso porque ele já percebia que eu estava ficando de pau duro.

Num determinado momento fechei os olhos para evitar o olhar dele. Nesse momento ele aproveitou e começou a massagear me pau, que já estava estourando dentro da calça.

Ele pediu licença, abriu o zíper pôs meu pau pra fora e começou a mamar.

Relaxei e deixei ele fazer o serviço. Quando abri os olhos ele estava se masturbando enquanto me mamava. Tinha um pau enorme, escuro, grosso e com a cabeça roxeada.

Não sei por quanto tempo ele me mamou. De repente anunciei que ia gozar e ele começou a mamar mais rápido e punhetar sem tirar da boca. Entendi que ele queria sentir o gosto do meu néctar. Gozei e ele gozou quase ao mesmo tempo que eu.

Engoliu me esperma, limpou o meu pau com a boca, pegou o papel toalha, limpou o gozo farto dele no chão e pediu que eu mantivesse sigilo pelo que aconteceu.

Solicitou uma tomografia computadorizada e pediu que quando eu tivesse o resultado, levasse para ele ver. Fiz o procedimento e foi detectada uma hérnia de disco lombar.

Fui levar o resultado, e... Bom, isso é outra história.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/Mulatodotssa



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente