Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Outros: Vizinho Marginal e Hétero

Passei o dia em casa e ao fim da tarde fui a uma festa e desta festa esticamos para outra, eu e uns amigos.

Nunca me passou pela cabeça tal acontecimento, pois se trata de um vizinho hétero e marginal que dá um trabalho enorme aos pais.

Ele pai de duas meninas, um rapaz novo, deve ter uns 23 anos e eu com 35 anos, afinal o vi nascer, branco, alto e um pau de 19 cm com uma cabeça bem rosada.

Sempre que ele me via me cumprimentava, era pouca ás vezes, uma certa vez ele estava sentado na frente de casa e com sua namorada ao colo e eu estava chegando, ele fez questão de mostrar que o pau estava duro com ela sentada em seu colo, só escutei ela falar você é safado. Não dei muita atenção e entrei, não gostei da atitude.

Havia escutado algumas conversas, que ele sempre dava em cima de outras mulheres através do celular da mãe via WhatsApp ou pelo mensserge do Facebook, e não me passava pela cabeça que ele curtiria algo com um gay. Até porque tinha sua mãe em minha lista de contatos há tempo e nunca havia tido nenhuma conversa do tipo.

Então, chego da festa as 03:00h da manhã meio embriagado, entro, tomo banho e vou para cama, antes de dormir dou uma olhada no WhatsApp e para minha surpresa:

Ele: Oi Eu: Oi Ele:Tudo bem! Eu: Sim e vc? Ele: Sabe quem é? Eu: Fulana (Achando que era sua mãe) Ele: É não Eu: Quem é? Ele: Da fruta que vc gosta Eu: Hum, foto Ele: Mandou a foto do pau e perguntou se gostava Eu: Sim Ele: Iai Eu: Estás onde? Ele: Aqui no terraço, sai ai, pode sair? Eu: Sim Ele: Saí ai, tô aqui esperando Eu: Tô de toalha Ele: Chega

Fui abrir a porta e portão, pois já havia fechado e ele veio ao meu encontro, já de pau duro e o colocou pra fora. Não me fiz de rogado cai de boca e mamei muito e me virei, ele não fez de rogado, forçou o pau na entrada do meu rabo, doeu um pouco, retirei e molhei e ele cuspiu no pau e empurrou, foi algumas tentativas para entrar, nunca imaginei aquele boy me comendo quase em frente de casa na madrugada. Ele no tesão me pediu pra levar ele para minha cama, mas com medo de alguém nos ver não o levei, após algumas socadas tirei seu pau e comecei a mamar muito e ele gozou na minha boca me lambuzando todo.

Ele: Ei se liga apaga as conversas Eu: Tá certo, gostou? Ele: Geral, vou dormir, só fala quando eu falar.

E assim estou esperando para repetir outra foda com ele, pois foi maravilhosa. Não o vi mais e não nos falamos.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/livretour



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente