Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Sexo Anonimo: Será que virei gay?

Meu nome é Carlos, sou moreno alto, olhos castanhos peito peludo, tenho 26 anos e namoro uma loirinha de 22 anos. Numa manhã de quinta feira sai de casa mais cedo pro trabalho, pois meu carro estava na oficina. Fui para o ponto de ônibus mais próximo e ao entrar no busão, que estava até com um certo numero de pessoas, procurei um lugar mais vago e me acomode de pé, próximo a porta do meio. A cada parada entravam de três a quatro pessoas e só ia me apertando entre os outros. Foi num determinado ponto que subiu um casal de jovens que aparentava ter entro 18 e 22 anos, uma moça morena de cabelos longos e escovados, o rapaz, pouco mais baixo que eu, tinha cabelos castanhos e usava bermuda e uma camiseta de uma banda de rock. Eles ficaram de pé a minha frente, até aí nada de mais...

Estava eu com meu fone nos ouvidos ouvindo a programação da rádio comunitária, meio desligado da vida quando de repente olho pra baixo e percebo a bundinha empinada da moça que havia entrado com o rapaz, namorado dela, imaginava eu. Comecei a ficar excitado e meu cacete ja ficava apertando na calça quando senti uma mão apertar bem forte o meu volume. Nessa hora minhas pernas tremeram, senti um frio na barriga e fiquei sem reação. Firmei meus olhos e pra minha surpresa, quem me bolinava não era a morena, mas sim o jovem que a acompanhava. Eu que até então era 100% heterossexual, senti no momento um certo repúdio, até nojo, pra ser sincero, me afastei o que pude e fingi que nada havia acontecido. Quando o ônibus parou no próximo ponto entraram mais pessoas, o casal de jovens foi um pouco mais pro lado e o rapaz ficou bem na minha frente. Eu não estava nada confortável com aquela situação, entretanto, num determinado momento o ônibus fez um movimento pouco mais brusco e a bunda do rapaz se encaixou perfeitamente no meu pau. Aí eu fui até a lua e voltei, ele estava com um short mais solto e eu pode sentir o rabo dele perfeitamente, não tinha como não gostar. Ele era muito safado sempre que dava o rapaz rebolava na ponta da minha vara que nesse momento já estava babando de desejo de furar aquele putinho.

Fui me ajeitando, e disfarcei até que atri o botão da minha calça, peguei na mão dele passei na minha barriga, o jovem era muito esperto, entendeu o meu recado e meteu a mão por dentro da minha cueca, apertou com suas mãos macias e quentes, quando foi descer a mão até meu saco a unha dele me arranhou, eu puxei o braço dele, o safado tirou a mão toda melada, levou até a boca e chupou o dedinho. Eu não pude acreditar naquilo, eu, um cara hetero, com uma bela namorada, encoxando um carinha que eu nunca tinha visto. Mas o tesão já havia me dominado, eu não ligava mais pra isso, agarrei-o pela cintura e comessei a bombar bem de vagar na bandinha dele, que sensação maravilhosa, parece que quando meu pau foi feito usaram aquela bunda de forma, o rego daquele puto dava certinho na minha vara, eu estava já louco de tesão quando ele precionou a palma da mão aberta sobre o meu pau e começou a fazer movimentos circulares, aí que delícia, comecei a acompanhar o movimento, que foi ficando mais rápido, até que eu fechei os olhos e gozei bem gostoso na cueca, senti minha Porra quente se espalhar na minha pele, nunca havia sentido tanto prazer na minha vida, ainda estava em choque e ele botou novamente a mão dentro das minhas calça, percebeu que eu tinha gozado e virou de frente pra mim, olhou bem nos meus olhos e chupou o dedinho com meu gozo.... Eu fiquei sem reação, não decifrei nem a cor dos seus olhos, tudo aquilo pra mim era novo,ao mesmo tempo delicioso e perverso. Quando eu fui tomando coragem de falar com ele, ele desceu no primeiro ponto que deu, sem dizer uma só palavra.

Eu fiquei ali parado por um bom tempo refletindo naquilo que acabara de acontecer, tudo parecia muito imoral, mas ao mesmo tempo eu queria mais, queria sentir aquela bunda roçando no meu pau outra vez, queria provar aquele cuzinho, por que não?? Enquanto eu refletia tudo isso o ônibus parou mais uma vez, eu olhei pro lado e vi a moça que entrou com aquele safado que me deixou em dúvidas sobre a minha própria orientação sexual descer do ônibus, eu não pensei duas vezes, desci atrás dela, botei a mão em seu ombro e a chamei. A moça se virou, olhou pra mim e sorriu, depois direcionou o olhar no meu cacete, ela viu que minhas calças estavam desabotoadas e com uma parte molhada, sorriu novamente e me disse: O Felipe não tem jeito mesmo, quer o telefone daquela bicha?

Eu apenas balancei a cabeça fazendo sinal de positivo, ela então tirou do bolso uma caneta e me passou, eu anotei o número na mão mesmo, depois disso pude ver aquela morena bunduda sair rebolando pela calçada e sumir no meio da multidão.

Só me restou fechar a braguilha, me sentar no banco e esperar o próximo ônibus! Além é claro de pensar bem... Ligo ou não ligo??

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

14/06/2016 19:35:02 - Ainda tem dúvida de que vc é? Se fez e gostou, já está no caminho certo.

11/06/2016 09:53:25 - Liga logo viado.... No próximo conto você mete rola no cu dele.... No terceiro..... você vai rebolar numa rola.... deliciosamente.....

11/06/2016 01:27:17 - na perga tempo eu era 100% hetero até que um dia no metro aconteceu algo parecido comigo mas o Andre estava de calcinha e ficou na minha frente rosando no meu pau hoje somos amantes e gozamos muito

11/06/2016 01:26:54 - na perga tempo eu era 100% hetero até que um dia no metro aconteceu algo parecido comigo mas o Andre estava de calcinha e ficou na minha frente rosando no meu pau hoje somos amantes e gozamos muito

10/06/2016 18:26:20 - liga para ele e terá um tesão que nunca mais vai esquecer

10/06/2016 16:41:02 - cara que tesao liga sim e vai comer gostoso a bundinha dele com certeza ele espera por isso

10/06/2016 16:10:25 - Já ligou? Aconteceu muito comigo lá no Rio, õ cidade boa pra isso. Só que era o contrário, eu procurava sempre encaixar minha bundinha, gordinha na época, dali era um pulo pra realizar minha tara. Ai que saudade!!!

10/06/2016 00:27:49 - Com toda certeza liga sim.

09/06/2016 19:46:19 - Tesão, cara! Ligou pra ele?!

09/06/2016 13:36:52 - claro que liga, experimente, não pode saber se alguma coisa e boa antes de provar

09/06/2016 02:05:34 - Aconteceu isso comigo tbm mais ele só apetou meu pau deu um tesao ia pegar contato mais ele estava acompanhando se eu fosse você eu ligava

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente