Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Sexo Anonimo: Transando a três, tapa na cara de duas picas no cu

Atualmente moro em Manhuaçu, interior de Minas, e o caso a seguir aconteceu aqui. Tenho mais de 40 anos e curto um passivo novinho, e em um sábado do mês de setembro deste ano, convidei um garoto que já tinha enrabado duas vezes anteriormente e um versátil, para uma transa a 3, ambos toparam imediatamente.

Minha esposa saiu e me deixou sozinho e sempre me dá um prazo até as 22hs para minhas transas (Ela sabe que sou bi ativo), vou chamar ambos por nomes fictícios, Guilherme e Fábio chegaram pontualmente as 19h . Nos cumprimentamos, abri umas latas de cerveja, coloquei um vinho na mesa e iniciarmos um sarro e bebendo pra esquentar o clima. Guilherme chegou em mim e me beijou e Fábio tirou meu pau e começou a mamar meu pau gostoso. E assim fomos sarrando gostoso, ambos me mamava e mamava um ao outro, eu beijando, dando uns tapinhas na bunda de um e outro, chupei o cuzinho deles, eles chuparam o meu, até que peguei uma camisinha encapei a rola comecei a penetrar Fábio enquanto ele mamava Guilherme. Depois penetrei o Guilherme enquanto ele mamava o Fábio. Ambos gozaram eu não, mas paramos e fomos beber.

Nesta sacanagem toda propus a Fábio uma dupla penetração nele, ele recusou na hora, mas fui insistindo, beijando e dando ele mais vinho, sarrando ele até que o convencemos tentar. Guilherme deitou de costas com seu 19 cm de pica e o Fábio sentou em cima até o cu engolir toda a pica, e eu dei a ele minha pica pra mamar gostoso, (eu bebendo demoro até uma hora ou mais sem gozar), bombei a boca dele, e depois coloquei a camisinha lubrifiquei bastante o cu do Fábio e fui tentando empurrar minha pica em seu buraquinho já ocupado por outra pica, ele sentia muita dor, mas não pedia pra parar e fui empurrando, até que minha pica passou num golpe só, Fábio deu um grito mas pediu pra estuprar, arrombar, machucar o cu dele, e fui bombando forte, dando uns tapas na bunda dele, falando sacanagens, chamando ele de viadinho, putinho, piranho,cadela, etc e bombando gostoso, e ele gemendo de dor, tesão e alternando com beijos no Guilherme que estava deitado.

Pedi ao Fábio para sentar de costas para o Guilherme, e penetrei ele gostoso até o talo, e aí ele gritou mais de dor e tesão, mas pediu pra continuar, soquei forte, dando uns tapas na cara dele, e falando inúmeras sacanagens, beijando ele , batendo levemente e bombando forte rápido e tirei a pica e gozei na boca dele que engoliu tudinho, e ele continuou sendo fudido por Guilherme mais uns minutinhos e Guilherme também gozou na boca de Fábio que é que nem um bezerro por leitinho.

Terminamos de transar batemos um papo e foram embora, já repetimos mais uma vez, e continuo a fuder o Fábio uma vez da semana.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/ksadoativo40abh



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

31/05/2016 23:26:51 - conto super top.

31/05/2016 21:53:24 - adorei o conto,adoraria

31/05/2016 12:50:29 - tesão demais, gostei da historia!!!!!!!!!!

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente