Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Sexo Anonimo: Gritei mas gostei

Eu tinha 18 anos quando perdi a virgidade do meu cuzinho para valer...

Eu tinha tomado umas cervejas e fui para uma praça procurar uma mulher. Mas fiquei muito tempo e nada de mulher. Notei um cara que estava me olhando. E ele estava em outro banco da praça...

Depois de algum tempo ele resolveu ir embora e eu acompanhei com um olhar ele entrando em seu carro. Ele me olhava..mas não disse nada. Foi embora. Eu ja estava com sono e resolvi ir embora também. Quando eu estava atravessando a praça vi um carro parado e buzinou.

O carro estava num lugar escuro e eu demorei para perceber que era. Só quando cheguei na rua vi que era o cara..ele me chamou e eu cheguei até o carro.

O cara tinha uns 1,80m, uns 40 anos. Eu com meus 1,65m. Ele disse logo de cara..você tem uma bunda bonita... Eu fiquei surpreso, não tive reação para brigar com ele. Não sei naquele momento me senti como uma fêmea sendo cortejada e ele pegou na minha mão e me chamou para ir ao apartamento dele. Não sei o que deu em mim. Entrei no carro dele e fomos calados... Até que quando estava chegando próximo do seu apartamento ele pegou a minha mão e colocou para eu pegar no seu cacetão.

Nossa era grande. Fiquei brincando e logo chegamos. La no apartamento ele tirou a roupa e eu continuei vestido. Ele viu que eu estava sem graça e foi buscar um whisky e mandou e me despir. Quando voltou eu estava pelado e ele passou a mão na minha bunda. ..depois deu uns tapinhas. Bebi de uma vez a dose e ele mandou eu dar uma chupada. Eu nunca tinha colocado uma rola na boca. Depois das primeiras mamadas ele pediu para eu virar a bunda para ele. Ai comecou o meu sofrimento e prazer.

No início fiquei com receio... Seu cacete segundo ele media 22 cm e muito grosso... Ele começou as primeiras estocadas... Doia e eu fechava mais o meu cuzinho. Mas não entrava nem a cabeça. Ele tarado e com muito vontade de me foder.

Saiu e foi buscar um creme e quando voltou lambuzou toda minha bunda e o cuzinho. Primeiro enfiou o dedo e depois veio aquele cacetão. Quando comecou entrar a cabeça vi que não iria aquentar e tentei sair, mas ele segurou bem forte no meu quadril e empurrou tudo de uma vez... Gritei de dor e pedia para ele parar. Ele ficava com mais vontade e bombava forte e batia na minha bunda e falava: sua bunda é uma delícia. Seu cuzinho é quente e apertado. Fui embora com a bunda quente de tapas e o cuzinho arrombado.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/rubi20



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

22/07/2016 18:02:57 - Delicia de conto, to babando, louco pra encontrar um cara macho com rola de 22cm pra me comer gostoso a tempos sem transar, abraços....

19/07/2016 12:36:27 - oi boa tarde,eu estou torcendo pra acontecer assim comigo, imagino chupar uma rola, sentar ficar de quatro, sair com o cuzinho todo aberto assado de tanto trepar, delicia, eu quelllo muito. bjs

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente