Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Sexo Anonimo: Fui puta da Rua Santa Luzia

Quando eu morei no Rio, tinha meu atelier na Rua Santa Luzia.

Durante o dia funcionava como atelier mas durante a noite era um puteiro para levar os homens que eu pegava. Ao lado havia uma planta da Light onde trabalhavam 10 homens e todos eles comiam meu cu. Ao lado da da planta da Light havia uma garagem para carros de oficiais do exército.

Os garagistas faziam rodízio e todos eles me comiam. Eu satisfazia todos os vigias noturnos da área bem como dava para todos os PMs que guardavam a Embaixada Americana. Fiquei conhecido como a puta da Rua santa Luzia. Sempre gostei de homens humildes porque são os melhores comedores de cu de veado. Muitas vezes eu ia para as docas pegar estivadores, marinheiros e fuzileiros navais.

Minha fama como veadão da Rua Santa Luzia chegou a tal ponto que muitas vezes haviam vários homens em frente do edifício esperando a vez deles subirem para me fuder. No andar térreo do pequeno edifício havia uma lanchonete cujo proprietário era fregues do meu cu bem como os garçons que trabalhavam la.

Após uma noite de ser enrabado por vários machos, quando eu descia para pegar café, o dono da lanchonete falava em voz alta:" Como é bicha, tomou muito no cu ontem a noite? E em seguida falava para os trabalhadores que estavam comendo no estabelecimento, que eu era melhor do que muita mulher.

Eu diria que naquela época eu aguentava a rola de uns 8 homens por semana. Eu também fazia a área da Cinelândia e da Lapa que na época era frequentada por cafajestes e rufiões.

Sempre gostei de tipos cafajestes. Dei até o cu para um cafetão o qual me propôs arranjar homens e eu lhe pagaria por cada pica que ele arranjasse. Quando eu cansava dos machos da Santa Luzia eu ia para a Central do Brasil, Campo de Santana e até para o mangue pegar homem. Pegar homem no mangue era facílimo. Eles não tinham dinheiro para pagar uma puta e se um veado aparecesse vinha a calhar. Principalmente se o veado desse uma grana.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/Querotomarnocu



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

25/11/2016 23:41:54 - parabens, eu queria ser assim, principalmento ser usado por um cafetão

25/11/2016 18:55:19 - Cada um e como e., eu não faria e nem faço isto, parabéns pra vc.....corajoso....

25/11/2016 10:30:19 - muito bom e otimo

24/11/2016 15:21:47 - muito bom historico . bom saber e estar de bem com a vida;.

24/11/2016 12:35:23 - Gostei dessa história!!!

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente