Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Sexo Anonimo: Parceiro de trepada

Sou bi e de vez em quando gosto de tirar o atraso e sempre marco com um carinha que conheci pelas redes sociais. Só fico com ele porque não tenho local e utilizamos o seu apto quando ele está só e por manter o sigilo nas nossas trepadas.

Sou versátil e ele mais passivo. Neste sábado fui até seu apto e nem entramos e ele já tirou minha roupa e caiu de boca em meu pau já duro. Tenho um cacete de 18cm, grosso e muito apetitoso. Entre a chupada na minha vara nos beijávamos. Não tinha ido apenas para sarros e pedi para ele me comer primeiro, pois precisava aproveitar enquanto o pau dele estava duro e mesmo pequeno queria sentir um pouco sua varinha no meu rabo apertado, quase virgem.

Como ele é mais passivo, não estava muito bom e mandei ele parar e lhe disse, vou te mostra como fode um rabo de verdade. Ele ja acostumado a sentar em minha jeba, colocou a camisinha com sua boca, untou com lubrificante e sentou gostosamente em meu mastro, gemendo de dor e logo pulando e cavalgando como uma putinha no cio.

Ele reclamava da minha vara mas não parava de cavalgar gostoso e dizia que eu tinha a melhor vara da cidade e logo logo gozaria litros sentado no meu pau. enquanto gemia de prazer pedia para que eu batesse em sua bunda e arranha-se todo seu dorso para ele ver a marca de seu macho no corpo quando eu não estivesse mais lá. Coloquei ele na posição de frango porque queria olhar pra sua cara de dor e ver o tanto que ele gozaria com o prazer de minha rola rasgando o seu cuzinho.

Ele não parava de dizer que ia gozar e não conseguia mais viver sem minha rola dentro dele. Enquanto ele gozava eu socava forte e pedia pra ele dizer que eu era seu macho e que nunca tinha tido tanto tesão quanto em aquele momento. Como demoro gozar, tirei a camisinha e pedi a e ele pra me chupar novamente e me punhetar até ele ter meu leite todinho em seu corpo e em sua boca. foram mais uns 10 minutos de muitos carinho em minha vara até eu jorrar muito leite quente em meu parceiro das horas de fodas entre machos.

Se você curtiu e é versátil igual a mim e curte dar e comer, entre em contato. Sigilo tem ser mantido. Não curto bebidas e drogas, só sexo com muito prazer.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/fabiocontagem



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente