Já é assinante?
Esqueci a senha
 Contos Eróticos

Quer receber contos eróticos diariamente no seu email? É grátis!

Sexo Anonimo: Gozei logo

Tudo começou numa sexta-feira, em meados do mês de setembro. Estava me despedindo de um amigo, o qual voltava para a sua cidade natal. Um dia comum assim como os outros. Até que ao atravessar a rua, para ir ao meu ensaio do teatro, eis que me deparo com um cara me pedindo informação sobre onde ficava um tal shopping em Santana. Ele deveria ter um metro e oitenta de altura, era forte, um negro lindo, todo de social me olhava com um sorriso no rosto. Não nego, sempre fui vítima de prazeres constantes a negros, eu os adoro. Logo informei que não morava lá por perto, e continuei andando em direção ao meu ensaio.

Alguns passos apenas, lá estava ele próximo a uma banca de jornal pedindo informação e olhando para mim. Dei um outro sorriso a ele, e ele se aproximou de mim com uma pergunta:"você é ativo ou passivo?" Disse logo que sou versátil, e me veio com um convite:"E aí, afim de uma foda?" Informei a ele que havia um pequeno motel próximo ao mêtro e que poderíamos ir lá. Ele concordou. Pagou rapidamente o motel, com uma certa timidez e logo subimos para o quarto.

Não estava acreditando que estava com aquele homem todo, só pra mim. Ele estava com pressa, deu para notar pela forma como tirava a roupa. Os trajes sociais estavam no chão, ele apenas de cueca me olhava enquanto eu tirava a minha roupa. Ele tirou a cueca, e vi seu pau duro, eu não aguentei e logo comecei chupá-lo. Ele me perguntou:"Você goza rápido?" Estranhei a pergunta - "É que minha mulher está esperando e precisa ser rápido". Um cara casado, hum, nunca havia acontecido isso comigo, ainda mais que era casado com mulher. Disse que seria rápido com ele.

Me deitei na cama, e ele logo partiu para cima de mim. Ele estava com muito tesão, e assim fiz ele chupar meu pau. Tinha um corpo atlético, quanto mais passava a mão naquele corpo, mais tesão eu sentia. Me masturbei enquanto chupava depois o seu pau, não aguentando de tanto tesão gozei logo. De certa forma o ajudei no quesito "rápido", logo depois foi a vez dele. Não houve penetração, mas em compensação o tesão foi forte para ambos. Me limpei bem rápido, ele também e fomos embora, ele disse que iria na frente pra ninguém perceber. Não o vi na saída, peguei simplesmente o meu caminho e retornei ao trajeto para o meu ensaio.

Curtimos a três, sem pudor algum, se você é da zona leste e se interessou entre em contato com Simples6.

Entre em contato com o autor: http://disponivel.com/simples6



COMPARTILHE ESSA HISTÓRIA COM SEUS AMIGOS

20/01/2016 18:08:09 - Legal, sem muito tesão. ,,,,

Deixe seu comentário, o autor do conto será avisado!
Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentários sobre o conto!

Seu email (não será divulgado)


Seu comentário

Aceito receber contos eróticos no meu email gratuitamente