Contos Eróticos

#ENTRE AMIGOS Transando com o Marido de uma amiga!

Em um belo dia, recebo a proposta do Marido de uma amiga. A amizade com essa amiga, começou quando trabalhamos juntos na Prefeitura da cidade.

Uma certa vez, quando a amizade ficou mais forte, e comecei a frequentar a sua casa, seu marido, já sabendo da minha Homossexualidade, começa a me provocar, mostrando o seu pênis Delicioso (que fui comprovar isso depois), sempre que ia ao Banho. Ele sabendo do meu interesse sempre jogava indiretas pra mim. E eu louco de Tesão, naquele corpo e naquele pênis, que com certeza tem mais de 23 centímetros. Vamos chamar aqui esse marido da minha amiga de Luciano.

O Luciano sempre em que estava em sua casa, andava somente de cueca, ou fazia brincadeiras de cunho sexual. Foi até que no dia do aniversário da sua esposa, foi a gota dágua, eu mandei mensagem em seu telefone, zoando e perguntando sobre o quanto ele queria que eu lhe desse uma Deliciosa mamada. Ele logo se mostra interessado mas me deixava na minha mão, eu lhe disse o quanto de dinheiro eu lhe daria.

Sim, eu estava disposto a pagar por um pênis alheio, pois o Tesão era muito. E então nesse dia, estavam todos curtindo, dançando, bebendo, e quando vejo chega a hora de eu ir embora, pois tenho um compromisso familiar (ajudo a cuidar do meu pai que tem Alzheimer); mas o Tesão era muito e eu ainda tinha alguns minutos. E ao me despedir da minha amiga e de todos presentes, Luciano diz que também vai sair pra ir à casa de sua mãe, e pra piorar, ou pra me ajudar, os convidados de minha amiga, sugerem que eu pegue carona de moto com o Luciano. E ele aproveitou e faz piada com a situação, ele pega o seu capacete coloca e começa a sair, não acreditando que eu iria aceitar realmente a carona; ao comprovar que sim, ele que já se encontrava na rua, retorna à sua residência e pega outro capacete e diz aos convidados que sorte minha que ele não estava doido de coisas ilícitas, pois se tivesse eu estaria perdido com ele.

Ao subir em sua moto e nos distanciarmos de sua casa, Luciano toca no assunto referente a mensagem no qual lhe havia mandado pra o seu telefone. E eu envergonhado e sem saber o que dizer direito, comento sobre, mas tentando mudar de assunto ou pelo menos fazer com que Luciano esqueça do assunto, pois por mais que eu queira, ele é casado com uma amiga, e eu não podia fazer aquilo.

Mas Luciano insistiu, eu queria enrolar dizendo que deixe para um outro dia, mas Luciano não quis saber de um outro dia, ao se aproximar de minha residência, Luciano passa direto e pergunta onde vamos, e nesse momento até esqueço de que o mesmo é casado e o pior com uma amiga minha.

Então o indiquei à uma estrada sem residências e com pouca movimentação de veículos e principalmente de pessoas, e ao chegarmos lá, ocorreu o que não deveria, mamei com muito tesão o Luciano, sorte ou azar, que apareceu um Moto Boy entregador de lanches e me salvou de concluir o ato com Luciano.

Apesar de saber que estou errado, preciso concretizar aquela mamada em Luciano. Caso aconteça, volto aqui pra dizer como fui!

Entre em contato com o autor em: https://disponivel.uol.com.br/Língua Inesquecível

Gostaria de enviar o seu conto? Clique aqui!

Mais de #ENTRE AMIGOS
- Comecei novinho
- Aprendi novinho a gostar da coisa
- O Namorado da minha Filha
- Aniversário do Vovô
- Meu marido deu a bunda
- O amigo mentiu e me comeu
- Surpresa com o pai do colega
- Comi meu vizinho casado
- Tinha de ser fêmea
- Fomos fuder a travesti e acabei lascando o cu do meu amigo

COMENTÁRIOS DE QUEM LEU!

Gostou? Deixe seu comentário

Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentário sobre o conto!