Contos Eróticos

#SEXO ANONIMO Tarado da Beira do Rio

Certa vez eu estava aguardado o ônibus no ponto final, quando percebi um cara olhando pra mim, reparei que estava com a calça desabotoada e o pau de lado duraço.

A principio fiquei com medo e estranhei. Como não dei bola, ele foi embora e direção à um riozinho que passava proximo.

Curioso, eu dei e volta pelo outro lado, quando pra minha surpresa, eu vi ele batendo uma punheta, aquilo me deixou excitado. De repente ele olhou pra cima e me viu, ele parou, apontou e me chamou: quer vir aqui?
Olhei ao redor e só tinha agente, como sou guerreiro, decidi ir.
Cheguei perto dele e disse: O que vc quer?
Ele respondeu: Quero foder!!!!
E logo lhe respondi também: Sou inexperiente nisso.
E ele não se importou e disse: Deixa comigo, vou te levar às nuvens.
Dito isso, ele me agarrou: Agora você não escapa.


Até tentei, mas não resisti, ele era forte, fui cedendo, ele me soltou e mandou: Vira!
Me virei, e ele começou a me encoxar, senti um tesão enorme, aquela rola de uns 20 cm me roçando.
Mandou de novo: Pega e chupa!
Fui obedecendo.


Primeiro comecei batendo punheta, ele gemia gostoso, depois que coloquei na boca, ele gritou : Isso. Como não sabia como chupar, fui lambendo e salivando e enfiando tudo na boca, depois que estava bem úmido, o pau entrava e saia suave e o tarado disse: Está me deixando loko, quero gozar na sua boca! Eu tirei e disse: Faz o que você quiser, seu tarado.
Deu um urro, inesquecível: uuuuuuuuuuhhhhhhhhhhhhhhhhuuuuuuuuuuhhhhhhhhhhh


Aquele jato de porra encheu minha boca e escorreu no meu peito, delicia. Quando eu estava me limpando, ele falou com um pouco mais de carinho: Deixa eu comer seu cuzinho?
Nunca fiz isso, acho melhor não.
Me agarrou de novo e mandou: Vira de costas, fica de 4, o resto é comigo.
Cedi de novo.
Ele tentou enfiar, mas viu que não dava, e pediu: Tem algum lubrificante?
Tenho um shampoo e condicionador serve?
Encheu meu cuzinho com os dois e cuspiu no pau, isso me deixou com tesão danado: Põe dentro de mim!!! Ele ficou louco e veio.

Foi até legal, colocou devagar até sentir que estava relaxado e depois, foi com tudo, um entra e sai delicioso.
Eu mandei: Enfia tudo tesudo!
Demorou uns 15 minutos, até ele dar outro urro e dessa vez junto com o meu: uuuuuuuurrrrrrrrrrrrrrruuuuuuuuuuuuuuuurrrrrrrrrrrrruuuuuuuuu
Depois disso, mandou eu sai fora. Nunca mais o encontrei. Se estiver nesse site, me chama.

Entre em contato com o autor em: https://disponivel.uol.com.br/tbacesdu

Gostaria de enviar o seu conto? Clique aqui!

Mais de #SEXO ANONIMO
- Dando o cu depois de casado
- Trepando com o caminhoneiro casado
- Ex-presidiário falou que eu ia chorar na rola imensa dele
- O pedreiro
- Fui menina pra ele
- Comi o filho da faxineira
- Ex-funcionário do meu pai me fez feliz pela primeira vez
- Exame de próstata com final feliz
- O velho da construção
- Padre ajoelhou, rezou e chupou

COMENTÁRIOS DE QUEM LEU!

Gostou? Deixe seu comentário

Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentário sobre o conto!