Contos Eróticos

#SEXO ANONIMO Ex-funcionário do meu pai me fez feliz pela primeira vez

Sou Charles e tenho 36 anos. Tudo começou quando era mais jovem. Sou filho único. Morávamos em um sitio. Meu pai contratou um funcionário e ficamos "amigos".

Eu era ingênuo e ele um rapaz já com experiência. Ele certa vez me cantou e eu fiquei apavorado. Disse não. Bom ele não desistiu e continuou com investidas, até que certa tarde, depois de aguentar mais, disse tá.

Ele me carregou para seu quarto. Fui o primeiro a entrar e ele logo em seguida e foi dando o jeito de trancar a porta. Eu sem saber o que fazer, quando ele me agarrou por trás, e sussurrou me dizendo, vou comer esse cuzinho.

Tu vai gostar e me mandou abaixar a roupa. Tirei minha roupa e quando olhei para trás ele estava totalmente nu com a pica dura como um ferro. Me pediu que ficasse de quatro em cima da sua cama e eu fiz. Ai tudo começou.

Ele deu uma cuspida na mão e passou na pica. Me mandou abrir bem meu reguinho e eu fiz. Ele começou a enfiar a pica no meu cuzinho. Nesse momento senti meu cuzinho ser arregaçado. Ele enfiou bem devagar e me dizia: se doer eu paro. Tu vai gostar. Cuzinho gostoso.

E assim foi me comendo bem devagar. Me perguntava se tava bom e eu dizia sim. Ele me fodeu gostoso. Me lembro dele gemer e despejar muito leite dentro do meu cuzinho. Desse em dia eu comecei a gostar de pica. Ele me fez o putinho!

Entre em contato com o autor em: https://disponivel.uol.com.br/charlesrs

Gostaria de enviar o seu conto? Clique aqui!

Mais de #SEXO ANONIMO
- Dando o cu depois de casado
- Trepando com o caminhoneiro casado
- Ex-presidiário falou que eu ia chorar na rola imensa dele
- O pedreiro
- Fui menina pra ele
- Comi o filho da faxineira
- Ex-funcionário do meu pai me fez feliz pela primeira vez
- Exame de próstata com final feliz
- O velho da construção
- Padre ajoelhou, rezou e chupou

COMENTÁRIOS DE QUEM LEU!

Gostou? Deixe seu comentário

Não é permitido informar telefone, email ou outras formas de contato. Apenas para fazer comentário sobre o conto!